Os aceleradores por GPU filtram grandes quantidades de imagens, vídeo e dados de inteligência de sinais para fornecer informações mais rápidas, claras e acionáveis para analistas de inteligência geoespacial
A NVIDIA lançou hoje o NVIDIA® GeoInt Accelerator™, a primeira plataforma de inteligência geoespacial acelerada por GPU, que permite que os analistas de segurança encontrem informações acionáveis de forma mais rápida e precisa, a partir de grandes quantidades de dados brutos, imagens e vídeo.

A plataforma NVIDIA GeoInt Accelerator utiliza dados do sistema de informações geográficas e reconhecimento de objetos em vídeos coletados por drones (aeronaves controladas à distância por meios eletrônicos e computacionais) fornecendo aos analistas de defesa e segurança interna ferramentas que permitem um processamento mais rápido das imagens de satélite de alta resolução, reconhecimento facial em vídeo de vigilância e planejamento de missão de combate.
Oferece também uma solução completa que consiste em um sistema acelerado por GPU NVIDIA Tesla®, aplicativos de software para análise de inteligência geoespacial e bibliotecas avançadas de desenvolvimento de aplicativos.

“Os analistas de inteligência de hoje precisam de informações baseadas em imagens, vídeos, inteligência de sinais e humana, entre outras fontes, em um contexto geoespacial e em velocidade real”, afirma Nick Buck, CEO do Buck Consulting Group e antigo executivo de TI da diretoria de solo da NRO. “O NVIDIA GeoInt Accelerator oferece aos desenvolvedores a oportunidade de liberar o poder da computação por GPU, combinando rapidamente a variedade e o volume de fontes de dados na velocidade necessária para dar respaldo à missão, permitindo novos níveis de desempenho com investimento mínimo”, complementa.

As principais aplicações da plataforma NVIDIA GeoInt Accelerator compreendem:
• DigitalGlobe – Processa mais de três milhões de quilômetros quadrados de imagens em alta resolução coletadas diariamente por satélites para a inteligência atual em pontos de interesse.
• GeoWeb 3D – Oferece fusão nativa 3D GIS – incluindo a tecnologia de sensor remoto LIDAR e vídeo de imagens com movimento – sem processamento.
• Imagus – Reconhecimento facial em tempo real a partir da vigilância por vídeo
• IntuVision Panoptes – Oferece detecção de objetos e alertas acionados por eventos por meio do processamento de vários streams de vídeo HD em tempo real.
• LuciadLightspeed – Oferece conhecimento situacional para o planejamento de missões sobrepondo imagem, radar, dados do sensor para análise de linha de visão.
• NerVve Technologies – Detecta automaticamente objetos em imagens e streams de vídeo.

Detalhes dessas aplicações estão disponíveis no link http://www.nvidia.com/geoint.•.

A plataforma NVIDIA GeoInt Accelerator também possui uma série de bibliotecas e soluções que servem como blocos de construção para fornecedores e integradores de sistema para defesa na construção de seus próprios aplicativos para imagens, vídeos e processamento de sinais, acelerados por GPU. Essas soluções e seus conteúdos incluem:
• Accelereyes ArrayFire – Funções de imagem e processamento de sinais aceleradas por GPU.
• DelCross Savant – Motor de rastreamento de raios de alta frequência para modelagem de antenas.
• MATLAB Image Processing Toolbox – Algoritmos, funções e aplicações para processamento de imagens e desenvolvimento de algoritmos em MATLAB.
• NVIDIA CUDA® FFT (cuFFT) – Para aplicações de processamento de sinais.
• NVIDIA OptiX™ – Estrutura de rastreamento de raios programável para modelar designs de baixa exposição a radares.
• NVIDIA Performance Primitives™ (NPP) – Kernels e funções básicos de processamento de imagens.
OpCoast SNEAK – Análise de propagação de RF, rastreamento de raios e kit de desenvolvimento de análise de bloqueio.
OpenCV – Funções de computação visual.

Uso amplo dos aceleradores por GPU na defesa
Os aceleradores GPU NVIDIA já são amplamente utilizados na indústria de defesa para geração de imagens, vídeos e processamento de sinais por clientes como Army Research Labs, BAE Systems, Boeing, SAIC, NATO, NAVAIR, Northrop Grumman, Onera, Raytheon e Thales Group.

Existem várias soluções de uso disponíveis para os aceleradores por GPU integrados da GE Intelligent Platforms e da Curtis-Wright, bem como soluções de estação de trabalho e de cluster de servidor dos principais OEMs, incluindo Dell, HP e IBM.

Notícias PRNewswire