Você será redirecionado em 8 segundos

ITWeb agora é IT Forum 365! Uma nova Comunidade onde você encontrará todo o conteúdo de qualidade do ITweb a que estava habituado mas com novas POSSIBILIDADES de interação com os participantes desse novo mundo. Venha participar deste novo momento na comunidade de TI com Interação, Colaboração, Apresentações e muito mais. Faça seu cadastro e seja bem-vindo!

crédito: Divulgação
http://itweb.com.br

O Windows 8 é a quarta – e última – grande plataforma a figurar no mercado móvel. A opinião foi dada por Fernando Belfort, analista da analista da Frost & Sullivan, em entrevista concedida ao IT Web. A Windows 8 Consumer Preview foi colocada à disposição para download dos consumidores na última quarta-feira (29/02). A perspectiva é que a versão final do produto, que, segundo informações extraoficiais, já passou por cem mil alterações desde sua concepção, chegue ao mercado até setembro deste ano.

“Existe uma clara possibilidade de o sistema virar líder no médio prazo”, pontuou o analista, falando, especificamente, de mobilidade. É importante lembrar que o Windows 8 é a versão do sistema operacional da Microsoft para tablets e computadores convencionais. Ele vislumbra um futuro no qual toda a interação do usuário com a máquina será pela tecnologia touch: a interface de usuário Metro é uma prova de que o nível de precisão da forma com lidamos atualmente com o mouse e teclado vai mudar.

Porém, a companhia tem uma versão para smartphone de sua plataforma, o Windows Phone, que está em sua versão 7.5, conhecida como Mango. O Windows Phone foi lançado pela companhia em maio de 2011. De acordo com Steve Kleynhans, analista do Gartner, o fato de os sistemas estarem separados não significa um problema.  “Não acho que seja impossível unificar [todos os sistemas operacionais, independente do dispositivo usado pela pessoa]. Não precisa ter exatamente a mesma coisa nos diferentes tipos de dispositivo. O que precisa haver é similaridade ao longo das plataformas para que eles se sintam confortáveis e obtenham as melhores coisas possíveis de cada uma”, disse. Em sua avaliação, porém, o sistema demorará para ser disseminado entre os PCs das empresas, já que grande parte do parque de máquinas acabou de atualizar sua versão para o Windows 7.

Os dois outros grandes sistemas móveis são o Android, do Google, e o iOS, da Apple. O BlackBerry 10, da RIM, que unifica as experiências de smartphone e do tablet Playbook, também deve marcar sua presença pelo âmbito corporativo. “Teremos três ou quatro grandes plataformas móveis. Não sei se existe espaço – ou vontade – de outro player investir”, comentou Belfort.

Apelo corporativo

Na avaliação de Belfort, o forte apelo do Windows 8 na área de mobilidade se dará pelo mercado corporativo.  “O fato de haver integração, sem a necessidade de um ambiente para cada um, é importante. Fica mais fácil se tudo se conversa, se está tudo integrado”, pontuou.

Além disso, as quatro plataformas citadas – iOS, Android, BlackBerry e Windows Phone/Windows 8 – devem ganhar força especialmente diante da perda de importância dos sistemas operacionais Symbian e webOS.  O Symbian, que era da Nokia e foi transferido para a Accenture após a companhia anunciar sua parceria com a Microsoft, em fevereiro de 2011, perdeu muito espaço no último ano. Conforme dados do Gartner, no terceiro trimestre de 2010 ele estava com 36,3% do mercado total, no segundo lugar da lista. Na pesquisa mais recente, referente ao terceiro trimestre do ano passado, a proporção era de 16,9%. Veja abaixo:

Sistema Operacional Terceiro trimestre 2011 Terceiro trimestre 2010
Android 52,5 % 25,3 %
Symbian 16,9 % 36,3 %
iOS 15 % 16,6 %
Research In Motion 11 % 15,4 %
Bada 2,2 % 1,1 %
Microsoft 1,5 % 2,7 %
Outros 0,9 % 2,5 %
Fonte: Gartner

Outro forte concorrente seria  webOS, um dos precursores móveis que estava sob domínio da HP. A fabricante possuía uma forte estratégia de integração em nuvem de seus dispositivos com ajuda da plataforma – a perspectiva foi anunciada no início do ano passado durante evento internacional com seus parceiros globais. Contudo, depois de desistir – e voltar atrás da ideia – de sua unidade de computadores pessoais, o plano parece ter caído por terra. Tanto que a companhia, no início deste ano, também em evento com parceiros, mostrou sua forte tendência em adotar o Windows 8 como plataforma principal em seus produtos, abrindo o webOS para a comunidade open source.

A Dell, depois de uma iniciativa um tanto quanto frustrada com seu tablet Streak baseado em Android, também deu a entender que buscaria parceria com a gigante de software para seu próximo tablet, a ser lançado ainda neste ano. Veremos.

 

  • http://www.facebook.com/ramesoj Ramesoj Leicam

    Interessante que a comunidade open source não aparece ao se falar no Android, produto originalmente open source. Bad.

    • Adriele Marchesini

      Mas o que você acha que faltou Ramesoj?

  • Gildo

    Pena que a versão para 32 bit não abre! Já tentei três downloads e todos não funcionaram.
    Somente a versão 64 bit há a possibilidade de abertura.
    O que estaria acontecendo?????

    • Adriele Marchesini

      Estou checando com eles, Gildo!

    • http://chuvadecafe.blogspot.com/ Sérgio Kucera

       Cara, em se tratanto de Windows tudo é possível!

  • http://chuvadecafe.blogspot.com/ Sérgio Kucera

    É uma pena a Nokia ter se aliado à Microsoft e desistido do Symbian… eu a considerava uma empresa tão original. É sempre tão bom haver concorrência! Agora o Android já tem mais de 50% do mercado.

    • Adriele Marchesini

      Você usava Symbian, Sérgio? Ele não morreu, mas com certeza perdeu mercado

      • http://chuvadecafe.blogspot.com/ Sérgio Kucera

        Sim, eu o usava e adorava… sou contra estes acordos entre grandes empresas, acho que quanto mais lucram menos criativas ficam. E sobre os SOs móveis, acho que o Android é que vai dominar tudo em pouco tempo.

  • http://www.facebook.com/people/Caio-Santos/574219774 Caio Santos

    o último grande SO a ser lançado chama-se Ubuntu 12.04 no dia 26/04/2012….isso sim que é sistema operacional w…é para os fracos!!!

    • Adriele Marchesini

      Você usa, Caio? Conta pra gente o motivo de a nova versão ser melhor =)

  • Eric Az

    Caio Santos, vou te falar o que eu falo para todo mundo, o windows é ruim quando quem configura ele é ruim, igual o Linux, se você não souber configurá-lo ele vai ser um sistema ruim. O que é para os fracos é a falta de habilidade em lidar com os diferentes sistemas.

    • Adriele Marchesini

      Uou, Eric! Qual você usa?

      • Eric Az

        Eu trabalho com os sistemas da Microsoft, mas tenho usado algumas distribuições Linux, meu SO atual é o Seven.

  • Op

    Concordo com o que o amigo Eric Az diz, muitos DK falam “win fede, LINUX” e o “linux” que ele usa é uma distribuição totalmente tosca para usuário leigo.. Linux/*nix em geral é bom para servidor, aplicações especificação e para desenvolvimento, agora para usuário leigo, o windows é EXCELENTE ! Para jogar, conversar , navegar, sem o que reclamar. O dia que o windows for underground, ai esses mesmo DK vão amar o Windows =D

  • Bjunior Info

    vcs ja viram ou ouviram falar do windows 8 ja o windows 10 vai falar com vc

  • Diegosurf

    CU

  • http://profile.yahoo.com/GE7WPW5HVNN6NXHWSO6PQZPWL4 APD

    Tive que engolir um MVP dizer que ao sair o androi que ele estava morto.
    Hoje dou risada do MVP, pois tenho o e-mail onde disse: Vai aprender a usar esta tecnologia, aprenda a programar nela.

  • http://pulse.yahoo.com/_5BE5IW36CJVY3BO6VMV4SITT6U Neuleptil Fox

     Office 2013, Windows 8? O que é isso? Ainda uso o XP e não vou abandoná-lo tão cedo, vejo muito loucos consumistas comprando qualquer lixo que aparece e jogam na sua cara! Evolua como ser humano deixe de ser um escravo do sistema.

  • kkkk windows

    Windows 7 e bem melhor que o 8 ele vai ser histórico igual ao xp eu tinha acabado de atualizar do xp para o Windows 8 e me arrenpendi agora estou com o Windows 7 ultimate service pack 1 com 32 programas instalados sem nenhum problema o Windows xp e potente igual o 7 mais sem recusos então preferi o Windows 7

Notícias PRNewswire